Ronaldo Caiado diz que fusão vai concretizar tese de “extirpar o DEM”

Reunião da Executiva - SLJ 184


O líder do Democratas no Senado Federal, Ronaldo Caiado (GO), lamentou a decisão da Executiva do Democratas em prosseguir com as negociações para uma fusão com o PTB. “É triste ver a tese de Lula prevalecer: o Democratas sendo extirpado pelo próprio partido”, lamentou o senador. Por um placar de 21 x 4, ficou decidido que a sigla vai continuar as negociações com o partido trabalhista.

Caiado disse que não terá como conviver com uma estrutura sem identidade doutrinária. “Só dou conta de ser firme se eu acreditar numa tese. Como 26 deputados oriundos do PTB vão votar com o governo e 21 do Democratas serão oposição? Não dá pra eu participar e conviver com essa fusão. Não vou deixar de lado princípios e doutrina partidária. Vou lutar dentro do Democratas contra a fusão”, disse.

O líder afirmou que as próximas etapas serão para convencer o partido a não optar pela fusão. “Vou fazer todo tipo de mobilização. Fazer uma consulta e uma pesquisa com os filiados. Decisão de cúpula não dá”, disse.

Ronaldo Caiado disse que a fusão é uma tese imediatista, que vai prejudicar a imagem dos políticos do Democratas. “Esse critério está errado. Não podemos pensar como 12 anos atrás. A população não aceitará a perda de nossa coerência. É só ver quem migrou para o PSD, o quanto os políticos de lá perderam credibilidade”, disse.

O senador lembrou que o Democratas sofreu todo o tipo de mutilação, sobreviveu e que “agora é o único partido que pode colher os frutos pelas suas posições”. Ronaldo Caiado disse que o fato de ter que ficar explicando essa fusão já demonstra o quanto ela começou errado. “Tudo que tem de ser explicado demais não está certo”, pontuou.

 

10 thoughts on “Ronaldo Caiado diz que fusão vai concretizar tese de “extirpar o DEM”

  1. Senador é uma das piores notícias que o senhor acaba de dar. É o fim daquilo que ainda poderiamos acreditar. É a traição daqueles que foram eleitos por nós. Ainda havia um fim de esperança. Imagino Senador a sua decepção não há silêncio que não termine. e tristeza em se ver traído por 21 dos 25 companheiros de partido. Senador, lembro que a grande Ex-senadora Colombiana INGRID BETANCOURT, que afirmou, “NÃO HÁ SILÊNCIO QUE NÃO TERMINE. Eu digo que, não há Umbral que não termine. Esse é o quadro do Brasil atual. Que Deus, Jesus e a Mãe Santíssima ilumine sempre a sua mente e mantenha lúcida as suas ideias do bom combate. Estarei orando pelo Irmão.

  2. O governo sempre comprou parlamentares de maneira individualizadas, no máximo, conseguia comprar um pequeno grupo que estivesse em “promoção”, sabe-se lá a que preço, no entanto, conseguir comprar um partido coerente, nesse momento de desgoverno é muito estranho e vergonhoso, ainda mais o Democratas que tem ao seu lado parcela significativa de simpatizantes. Decepção total! Não se venda!

  3. Senador, é com muita tristeza que tomamos conhecimento da notícia da possível fusão do DEM com o PTB. A sua liderança e a do deputado Mendonça são a nossa esperança de verdadeira oposição nesse cenário político conturbado por tanta corrupção e desmandos. O DEM está cavando a própria sepultura, será que os integrantes do partido não enxergam isso? Qual é o verdadeiro interesse nessa fusão? Mais poder? Façam uma pesquisa bem direcionada com a população e vão comprovar a rejeição da maioria a esse projeto infame. Acho que o partido cresceu muito em simpatia e aceitação após as eleições, justamente pela oposição ferrenha que tem feito ao Governo. Ir para a base aliada é suicídio!
    Torço pelo senhor e pela sua carreira política, conte com o meu apoio.

  4. Senador, há algo que nós que não somos filiados, simples eleitores preocupados com esta noticia, possamos fazer para que isto não ocorra?
    Gostaria de ajudar da forma que for possível.

  5. Não sou filiado ao DEM mas vejo como extremamente negativa a fusão com o PTB. O PTB perdeu, a muito tempo, sua identidade na medida que sempre está sob o guarda-chuva governamental. Quem assim se comporta não tem qualquer identidade, a não ser a de ‘vira-folha’.

  6. ILUSTRE SENADOR, não nos desaponte, lute para não termos o desprazer de ver nosso partido destruído pelas artimanhas do nove dedos.
    Foi em Joinville que este marginal, de nove dedos, proferiu a frase: Temos que destruir este partido chamado PFL……….DEM……………. felizmente não fomos destruídos porque há ainda pessoas da dignidade de RONALDO CAIADO.
    ILUSTRE SENADOR vamos em frente, porque enquanto houver pessoas como o senhor, teremos a esperança de brasil melhor.

  7. Concordo com sua posição senador! Temos que manter o princípio básico. A ideologia que seguimos. Como podemos acreditar num partido que vira a casaca? Que se vende? Estou perplexa!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *