Aprovado convite de Caiado a Mujica para explicar declarações de que Lula sabia do mensalão

A Comissão de Relações Exteriores aprovou nesta manhã (3/6) requerimento de convite do senador Ronaldo Caiado (GO) para o ex-presidente, José Mujica, vir ao Senado esclarecer suas declarações no livro “Uma ovelha negra no poder”. No livro, Mujica relata um encontro com o ex-presidente Lula, em 2010, em que teria confessado que não só sabia do mensalão como essa era a única forma de governar o Brasil. O requerimento ainda convida o ex-vice-presidente, Danilo Astori, que também participou do encontro com Lula quando o ex-presidente do PT teria feito a confissão.

“Tenho a certeza de que Mujica não vai decepcionar os brasileiros e virá ao Senado esclarecer essa história. Ele como um defensor da ética e um homem que sempre condenou práticas corruptas não vai nos deixar sem explicações sobre o ocorrido”, afirmou Caiado.

O líder do Democratas lembrou que Mujica é um símbolo para esquerda brasileira e suas posições são altamente respeitadas pelos petistas.

“Sei que Mujica terá todo o interesse em vir a Comissão de Relações Exteriores. Ele é uma pessoa que não concorda com as práticas petistas de manutenção do poder a partir do uso de recursos das estatais”, concluiu.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *