8489773844_7a66809b57_h

Crescimento do déficit do Estado em ano eleitoral comprova uso da máquina por Marconi, diz Ronaldo Caiado

O crescimento escandaloso do déficit da conta centralizadora do Estado em pleno período de campanha eleitoral comprova o abuso na utilização da máquina pública pelo governador Marconi Perillo (PSDB), na avaliação do senador Ronaldo Caiado (Democratas). O problema mereceu atenção do Tribunal de Contas do Estado (TCE-GO) que, pela primeira vez desde o mandato anterior do tucano, apresentou ressalva às contas do Estado. Para o parlamentar, Goiás vive em estado de penúria por conta dos excessos cometidos pelo tucano para se reeleger para mais um mandato.

“Focado unicamente na perpetuação de seu mandato, o governador Marconi Perillo usou e abusou da máquina pública a ponto de deixá-la em verdadeiro estado de penúria”, disse Ronaldo Caiado ao mencionar matérias divulgadas no jornal de hoje que mostram que o crescimento da dívida da conta centralizadora atingiu R$ 1,4 bilhão em 2014. Em pleno ano eleitoral, o déficit cresceu R$ 633 milhões se comparado ao ano anterior.

“A vergonha está estampada nos jornais de hoje de Goiânia. Não é difícil concluir onde o dinheiro foi usado: na campanha de Marconi Perillo para governador. Para tanto, se valeu de uma ação totalmente ilegal, que foi utilizar os recursos centralizados para financiar o Tesouro Estadual”, explica. “Isso é totalmente ilegal e corrobora a tese da necessidade de colocar fim à reeleição, que virou instrumento de campanha nas mãos de pessoas obcecadas pelo poder. Quando se trata de um governo perito em ilegalidade, é preciso agir com mais rigor para que Goiás não siga sendo vítima de desmandos que só trazem prejuízo à população”, sintetizou.