cf9318ec-a72c-4570-8de6-f78fc133fab3

Caiado quer convocar chanceler do Itamaraty para explicar “militância” em comunicação oficial

O uso da comunicação interna entre embaixadas brasileiras para militância política deve ser investigado no Senado Federal. O líder do Democratas, Ronaldo Caiado (GO), apresentou nesta quarta-feira (23/03) requerimento de convocação ao ministro de Relações Exteriores (MRE), Mauro Vieira, para que explique as mensagem de apoio ao governo do PT e contra as manifestações pró-impeachment que circularam de forma institucional entre embaixadas e consulados.

“Se trata de uma agressão ao Congresso, uma forma de desrespeito aos deputados e senadores que estão julgando um processo legítimo. Acima de tudo, é uma afronta à verdade. Isso deixa claro como nossa política externa foi reduzida pelo PT a um puxadinho do Palácio do Planalto”, afirmou.

De acordo com reportagem do jornal O Globo, a mensagem foi enviada pelo ministro Milton Rondó Filho, responsável pela área de combate à fome do MRE. “Ele é ministro de Estado, não é ministro do PT, nem da presidente da República. Autorizar um telegrama encaminhado a todas as embaixadas falando em ‘risco de golpe’? O governo tem apelado para nações amigas para que se manifestem contra seu próprio parlamento”, atestou Caiado.

O requerimento foi encaminhado à Comissão de Relações Exteriores do Senado e deve ser apreciado já na próxima sessão ordinária.