AhYYN5AAwvZEOvbvsEpsMo3Gy-PkuWHyDbERprhHNziY

Caiado: Revelações de Delcídio expõem conspiração do Planalto para obstruir Justiça brasileira

O líder do Democratas no Senado Federal, Ronaldo Caiado (GO) comentou a recente entrevista do ex-líder do governo no Senado, Delcídio do Amaral, em que é revelado a participação direta de Lula, Dilma e ministros no escândalo da Lava Jato e em uma conspiração para tentar sabotar a própria Justiça Brasileira.

“Delcídio escancara como o Palácio já age há meses para obstruir o trabalho da Justiça. Fala de conspirações feitar por Dilma, Lula, Cardozo, Mercadante, fala da tentativa de cooptar ministros do STF, da condição para indicar ao STJ mediante o compromisso de melar a Lava Jato, fala do achaque de Edinho Silva a empreiteiras, enfim, explica a engrenagem obscura de uma organização criminosa sediada no topo do poder no Brasil. É a pá de cal sobre um governo que sequestrou o Estado em favor de um projeto de perpetuação no poder”, afirmou.

O democrata também sustenta que as afirmações do senador preso desfazem completamente as teses de defesa de Dilma e Lula nos últimos dias e mostram como eles tentaram atacar o andamento das investigações em todas as frentes.

“É uma entrevista para acabar de uma vez com o governo e para alertar o Judiciário sobre a quantidade de tocaias que o cercam no ambiente político”, definiu.

Mercadante
Em outro momento da entrevista, Delcídio sugere que houve interferência política para que o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, não tenha sido preso após revelações de tentou comprar o silêncio dos próprio senador.

“Nas palavras dele, só mesmo ‘um milagre’ para explicar como Mercadante não está preso. Como não acreditamos em milagres na política, vamos cobrar das instâncias superiores por que motivo o ministro ainda continua solto mesmo com a flagrante tentativa de obstruir a Justiça”, defendeu.