WhatsApp-Image-20160601 (3)

Renan acata questão de ordem de Caiado para sabatina de indicado ao Banco Central

A questão de ordem apresentada pelo senador Ronaldo Caiado (Democratas-GO) foi acatada pelo presidente da Casa, Renan Calheiros em plenário, nesta quarta-feira (01/06).

A ação questionou a manobra realizada pela presidente da Comissão de Assuntos Econômicos, senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) que tentou atrasar a sabatina que definiria a indicação de Ilan Goldajn para o Banco Central.

A argumentação da petista é que a audiência só poderia ocorrer cinco dias após a leitura da indicação na comissão, o que vai de encontro ao Regimento Interno. Caiado se utilizou do Artigo 383 do código que define o prazo a contar desde o recebimento da mensagem em plenário, o que ocorreu na última sexta (27/05).

“Tomei a medida porque a presidente da Comissão de Assuntos Econômicos, senadora Gleisi Hoffmann, que é do PT, adotou uma decisão puramente partidária para atrasar a arguição do indicado ao Banco Central, Ilan Goldajn. A partir de agora, vamos evitar manipulações como essa que tem imposto dificuldades ao processo de retomada do crescimento do país”, afirmou.