O senador Ronaldo Caiado (Democratas-GO) voltou a fazer duras críticas à frase proferida pelo governador Marconi Perillo sobre sua “meta” para o governo goiano de chegar a 100 prefeitos filiados a seu partido no 1º semestre de 2017. Caiado apresentou na tribuna do Senado a exata fala do governador para mostrar o quadro de chantagem e pressão criado com a máquina estatal para que prefeitos se submetam à filiação em seu partido.