5

Pré-candidatos da frente Unidos para Mudar Goiás se reúnem em Goiânia

Os pré-candidatos a deputado federal e estadual da frente Unidos para Mudar Goiás vão se reunir nesta sexta-feira (15/06), às 9h da manhã, no Tatersal 3 da Pecuária, em Goiânia, com a presença dos senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais – ambos do Democratas. Ronaldo Caiado é pré-candidato ao Palácio das Esmeraldas e Wilder é pré-candidato a um novo mandato como senador da República.

A intenção do grupo, que reúne onze siglas de oposição ao governo estadual, é discutir estratégias para as chapas proporcionais e os possíveis cenários eleitorais no pleito de 2018. Estão em jogo 41 vagas na Assembleia Legislativa e 17 na Câmara dos Deputados.

Para o senador Ronaldo Caiado, o encontro dos pré-candidatos é uma oportunidade para que os pré-candidatos conversem e troquem ideias. “Todos estão convictos de que precisamos mudar o rumo do Estado. É com satisfação que participarei desse encontro e tenho respeito por cada um desses líderes guerreiros que lá estarão”, pontuou.

Presidente do PMN, Eduardo Macedo acredita que o evento reforça a pré-candidatura de Ronaldo Caiado e prepara a tropa a encarar a batalha eleitoral de outubro próximo. “O objetivo da frente é apresentar um novo modelo de gestão do nosso estado. Vamos apresentar cerca de 600 candidatos a deputados federal e estadual. Nunca houve uma união dessa magnitude na história das oposições em Goiás”, comemorou.

Encontros pelo interior

A presença do senador nos municípios do interior também tem sido reforçada. Goianésia, Trindade, Formosa e Porangatu foram algumas das cidades que receberam as lideranças políticas que compõem o grupo oposicionista nos últimos meses.

O último encontro em Goianésia reuniu prefeitos do MDB e lideranças de 50 municípios do Vale do São Patrício e regiões próximas. A cidade é comandada pelo prefeito do MDB, Renato de Castro, apoiador do democrata.

Aos presentes ao encontro, Ronaldo Caiado afirmou que o compromisso do político é com o bom uso do dinheiro público para atender às necessidades dos cidadãos. “Quando o político é honesto, o dinheiro do povo rende e as obras acontecem. Político tem de ter humildade e não ter a prepotência de achar que todos têm de se curvar a ele. Governante é funcionário do povo para trabalhar 24 horas por dia. Não é para fazer patrimônio e se enriquecer”, afirmou o democrata.