Estado nunca teve condições de contrair a dívida com a Caixa, diz Ronaldo Caiado sobre empréstimo de R$ 510 milhões
O senador Ronaldo Caiado (Democratas) declarou nesta segunda-feira (9/7) que prevaleceu a verdade na questão do empréstimo de R$ 510 milhões que estava sendo negociado entre o governo de Goiás e a Caixa Econômica Federal. Hoje o governo anunciou que desistiu da operação e justificou condições desfavoráveis oferecidas pelo banco, admitindo que o Estado não tem condições de assumir uma dívida. Ronaldo Caiado lembra que desde que veio à tona o assunto, apresentou os argumentos legais que invalidam a formalização do empréstimo, como incapacidade de pagamento atribuída pelo próprio Tesouro Nacional e uso de garantia proibida pela Constituição.