O candidato ao governo pela coligação A Mudança é Agora, Ronaldo Caiado (Democratas), considera irresponsável o edital do governo do estado para venda de 1,9 milhão de metros quadrados da Plataforma Logística Multimodal de Anápolis. Para Caiado, o leilão marcado para 11 de setembro é um crime contra a economia de Goiás e do município já que a venda foi preparada a toque de caixa, sem uma avaliação detalhada do projeto com intuito apenas de arrecadar recursos (previsão de R$ 270 milhões) para alimentar o projeto de poder do grupo que governo o estado. O senador pretende acionar a justiça para impedir que o leilão seja efetivado sem a devida análise do projeto e mensuração do benefício real para a região. Caiado falou sobre o assunto durante caminhada realizada na cidade, nesta manhã (22/08), como parte da agenda de campanha.