WhatsApp Image 2019-02-25 at 18.41.04

Caiado assegura que transformação na saúde pública será sentida pela população

Governador anunciou cidades que vão receber as primeiras Policlínicas, unidades criadas para desafogar grandes hospitais do Estado, e ressaltou medidas para reverter problemas no setor energético

O goiano já tem sentido a diferença na segurança pública e, em seis meses, vai começar a perceber nossos resultados na saúde. O compromisso com a qualidade do serviço público foi reforçado pelo governador Ronaldo Caiado, nesta segunda (25/2) em entrevista ao Fala Goiás, da TV Goiânia (Band). Caiado citou a implantação de policlínicas no Estado para regionalizar o atendimento e desafogar os grandes centros.

“As pessoas podem confiar, porque o nosso projeto valoriza o cidadão. Goiás, que tem hoje a melhor polícia militar, vai ter a melhor educação, e a melhor saúde”, ressaltou. Ao longo da entrevista, o governador fez outros anúncios importantes, como a reunião com o presidente nacional da Enel e o pagamento da folha de fevereiro, ambos previstos para esta semana.

As policlínicas devem resolver o problema da alta demanda dos Hospitais de Urgência de Goiânia, Anápolis e Aparecida de Goiânia. As cidades de Posse e Santa Terezinha de Goiás serão as primeiras a receber as unidades de atendimento, que devem oferecer exames simples e complexos como ressonâncias magnéticas e tomografias, equipe especializada em diversas áreas, além de cirurgias simples. Dessa forma, apenas casos mais graves serão encaminhados aos hospitais de alta complexidade. “[Saúde] é um assunto que eu conheço, vocês podem saber que verão o nosso resultado”, assegurou.

Questionado sobre a situação do fornecimento de energia elétrica pela Enel, Caiado afirmou que o Estado vive um colapso nesta área e que ainda esta semana irá receber o presidente da Enel, Carlo Zorzoli, para tratar sobre o tema. O governador se mostrou preocupado com o empenho da empresa e com a falta de investimentos no Estado, reforçou que não irá admitir que a aquisição da Eletropaulo interfira na qualidade da geração de energia em Goiás. “Trouxe a Aneel para verificar a realidade de Goiás e impor um plano de emergência para ser cumprido rapidamente”, esclareceu.

Outro ponto destacado durante a entrevista foi a implantação do Compliance público em todas as secretarias, iniciativa pioneira no país. O trabalho já tem avançado na Saneago e será implementado na antiga AGETOP, hoje Goiás Infraestrutura – GOINFRA. A iniciativa tem o intuito de trazer clareza aos contratos, evitando práticas de corrupção.