WhatsApp Image 2019-07-07 at 11.45.01

De Guarinos a Panamá: Caiado participa de romarias e garante valorização das tradições culturais do interior

Governador falou da importância dos eventos religiosos para o desenvolvimento do Estado. “Goiás hoje é uma grande referência para o turismo da fé. Preservamos nossa tradição e mostramos para o mundo como valorizamos a nossa história”

“Desejo as boas-vindas a Ronaldo Caiado, nosso governador arrojado”. Com o verso recitado ao som do toque do berrante, o padre Júnior Periquito recebeu o governador Ronaldo Caiado na Romaria de Nossa Senhora da Penha, na cidade de Guarinos, região Norte do Estado no início da tarde desta sábado (06/07). Em resposta, o governador falou de seu orgulho de fazer parte das tradições goianas e prometeu trabalhar para que a romaria seja reconhecida pelo Ministério da Cultura como Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro.

Acompanhado pelo secretário de Desenvolvimento Social, Marcos Cabral, o governador visitou o espaço montado pela Secretaria na romaria, que ofereceu aos fiéis a possibilidade de emitir documentos como carteira de trabalho, carteira de identidade, certidões de nascimento e casamento, CPF e Passaporte do Idoso. Também destacou o atendimento prestado pela Polícia Civil e por servidores do Vapt Vupt. “Obrigado pelo trabalho que vocês estão prestando aqui. Fiz questão de vir agradecer pessoalmente”, elogiou. Caiado garantiu que irá manter a iniciativa nas próximas edições da romaria.

Marcos Cabral destacou os programas sociais desenvolvidos pela Seds, em especial, o novo projeto que será lançado a pedido do governador e que vai retirar das ruas e oferecer cuidado às pessoas em situação de risco. “Vamos honrar esse cargo, trabalhar diuturnamente, para que Goiás tenha uma ação social justa, com obras sociais como essa, com a sensibilidade humana que o governador sempre teve”, reforçou.

Raízes de romeiro
Uma das romarias mais antigas de Goiás, com 269 anos de tradição, a festa de Guarinos está guardada de forma especial na memória de Caiado. Foi lá a primeira experiência como romeiro, aos 14 anos de idade. “Eu cheguei aqui trazido por meu pai, que era advogado em Itapaci e atuava nesta região. Viemos com uma comitiva, saindo de Pilar de Goiás. É por isso que tenho essa paixão enorme por todos que são romeiros e pelas cavalgadas. Tenho orgulho de ser goiano e de ter as minhas raízes vinculadas a essa região de Goiás”, lembrou.

Caiado esteve com comitiva da Associação dos Cavaleiros de Itapaci e fez questão de assistir à missa com os romeiros. Ao lembrar que o tema da romaria 2019 é “Com Maria melhoramos a política”, destacou seu desejo de trabalhar por uma política social ampla que atenda a toda população do Estado, principalmente às regiões com os maiores índices de carência. “Nós vamos fazer uma política social. Vocês receberão aquilo que se espera de um governo. Essa é uma luta em que nós temos que nos empenhar juntos. Esse é um compromisso que eu faço com meu povo, de transparência, de honestidade”, afirmou.

O governador declarou sua gratidão a Nossa Senhora da Penha pela graça de ter chegado ao governo do Estado. “Que Nossa Senhora da Penha nos cubra com seu manto e nos ajude a governar Goiás. Peço a ela que oriente nosso mandato e que possamos fazer um governo justo, honesto e transparente com total combate a corrupção”, rogou.

Turismo religioso
De Guarinos, no Norte goiano, Ronaldo Caiado partiu para o Sul do Estado. Chegou a Panamá, cidade a 190 quilômetros de Goiânia, no início da noite de sábado para participar da missa solene da 101ª Festa do Divino Pai Eterno de Panamá, na Praça Tereza Maria. “Eu, como romeiro que sou, não poderia deixar de vir aqui. Primeiro para agradecer as graças que recebi e para pedir que Deus continue abençoando os goianos”, comentou o governador.

O governador ressaltou a importância dos eventos religiosos para o Estado. “Goiás hoje é uma grande referência para o turismo da fé. Temos a terceira maior romaria na cidade de Trindade. Temos também romarias como esta de Panamá, a da cidade de Guarinos, Muquém e tantas outras que preservam a história de Goiás e mostram para o mundo como nós somos religiosos e valorizamos a nossa história”, afirmou.

Reitor do Santuário Divino Pai Eterno, padre Silvanir Fagundes celebrou a missa campal e aproveitou para agradecer a presença do governador. “Obrigado pela sua dedicação em estar aqui com a gente. É uma alegria muito grande ter você nesta noite”, disse.

O aposentado Adeir de Virgílio é um fiéis que participam sempre da Festa do Divino Pai Eterno de Panamá. Ele, que mora em Itumbiara, conta que todos vêm a pé do trevo e caminham cerca de 8 quilômetros. “Para mim, esta festa significa a afirmação da fé em Cristo. Nós temos que ser gratos ao senhor. Eu venho aqui mais para agradecer do que pedir”, afirmou o romeiro.

A festa do Divino Pai Eterno de Panamá começou no dia 27 de junho e será encerrada neste domingo (06/07). A equipe do Santuário do Divino Pai Eterno de Panamá acredita que até o fim da festa, aproximadamente 150 mil pessoas tenham passado pela cidade.