Foto: Lucas Diener

Em visita à Cidade Ocidental, Caiado garante: “Goiás é terra hospitaleira e não aceitará mais chefe de quadrilha”

Governador prestigiou o Encontro de Nordestinos e, quando questionado sobre o Entorno, que sofreu com o descaso de administrações anteriores, Caiado fez duras críticas à “corrupção presente em gestões anteriores do Estado”. Agora, ressaltou, com um governo transparente será possível atender às necessidades das regiões carentes

Muita alegria, música, dança e comidas típicas de todos os Estados do Nordeste. Assim estava o 5º Encontro de Nordestinos da Cidade Ocidental neste domingo (18/8), quando o governador Ronaldo Caiado chegou ao evento. Logo na entrada, Caiado foi recebido com fortes abraços de um povo que trouxe muito de sua cultura para Goiás. Em entrevista, o governador ressaltou a força dos nordestinos e como nosso Estado tem orgulho de receber pessoas de todos os lugares do Brasil.

“Goiás é extremamente receptivo. É difícil um lugar onde o povo goiano não acolha as pessoas de maneira tão alegre. E nós temos que enaltecer os nordestinos, que caminharam para o Estado de Goiás e hoje nós convivemos maravilhosamente bem, apreciamos a música nordestina, a cultura, que é muito forte, e sabemos da tradição, determinação e garra de um povo que sobrevive e que luta diante de tantas dificuldades”, disse.

Ao citar a primeira-dama Gracinha Caiado, o governador comentou que o sangue nordestino está em sua família, como em grande parte das famílias goianas. “Não tem pessoa que goste mais de nordestinos do que eu. Fui à Bahia buscar uma baiana, de Feira de Santana. Minhas filhas são meio nordestinas e, assim, vamos fazendo nosso Goiás”, reiterou.

Questionado sobre a relevância do evento, Caiado enalteceu o quanto a cultura nordestina contribui para Goiás. “Esse encontro é a maneira de realçar a cultura nordestina, é a música, a comida nordestina, é o povo nordestino que tem essa coragem de enfrentar as diversidades, abrir fronteiras, e é essa característica que adoro.”

Governo transparente
As necessidades do Entorno do Distrito Federal também estiveram em pauta durante a visita do governador a Cidade Ocidental. Em entrevista, Caiado foi questionado sobre o que há de planejamento para a região. Sem hesitar, reiterou que não faz promessas vazias. “Não sou homem de fazer promessas. Se o Entorno não tem esperança nem em Goiás nem em Brasília é porque eles já ouviram de tudo e já desencantaram com as pessoas que chegam aqui falando muito e não fazem nada. Eu tenho outro estilo, sou do estilo de fazer”, assegurou.

Ronaldo Caiado reforçou que agora Goiás tem um governo transparente e preocupado com a população. “Já mostrei que estamos priorizando as regiões mais carentes, como o nordeste goiano, o Entorno de Brasília e o extremo norte do Estado. Já identificamos os 62 municípios mais carentes de Goiás. A nossa política social e de incentivos é diferente do que foi implantado até agora”, enfatizou.

Em relação à infraestrutura e ao desenvolvimento de Goiás, o governador questionou: “Onde está o dinheiro dos incentivos fiscais? Quais indústrias se instalaram no Entorno nos últimos anos? Por que Corumbá IV ainda não fornece água aos goianos?”, apontou. Apesar de as cidades do Entorno não terem recebido até hoje o investimento que merecem, salientou Caiado, com um governo transparente tudo isso será possível.

“Temos que sair dessa promessa, da enganação, da mentira, da corrupção que acabou com o Estado de Goiás. Você nota claramente que o ex-governador Marconi Perillo não foi governador. Ele foi chefe de quadrilha, assaltou Goiás, roubou o dinheiro do cidadão que não tem água em casa, não tem vacina, não tem hospital para poder tratar as pessoas. O Estado foi gerido porque quem quis pegar o dinheiro e transformar em benefício próprio, enriquecer”, disse taxativo. E completou: “Podem saber que hoje vocês têm um governador honesto, transparente, que não vai assaltar o cofre público, que não vai tirar o dinheiro de medicamento para poder enriquecer. É essa que é a nossa diferença. Meu negócio é diferente, quero trabalhar para o meu povo.”

Também foram ao evento o deputado estadual Jefferson Rodrigues e o deputado federal José Nelto.