WhatsApp Image 2019-12-20 at 08.34.57

Caiado: “Hoje, as autoridades aqui são vocês; o governador e os secretários é que irão aplaudí-los”

Em uma noite em que a solidariedade, a cidadania e o espírito público foram donos da festa, o governador entregou a 102 destes goianos exemplares a “Ordem do Mérito Cidadão-Herói”

“Nós podemos ser heróis, ao menos por um dia”. O refrão da música “Heroes”, do britânico David Bowie, muito bem descreve homens, mulheres e jovens que, mesmo sem superpoderes, tiveram em 2019 seus momentos de heróis da vida real, seja por suas façanhas intelectuais, profissionais, atos de superação ou de amor ao próximo. Em uma noite em que a solidariedade, a cidadania e o espírito público foram donos da festa, o governador Ronaldo Caiado, a primeira-dama Gracinha Caiado e o vice-governador Lincoln Tejota entregaram a 102 destes goianos a “Ordem do Mérito Cidadão-Herói”, em solenidade com todas honras de Estado na Praça Cívica.

“Hoje, as autoridades que estão sendo condecoradas são os senhores, as senhoras e os jovens aqui presentes. Eu, governador, e as autoridades e secretários aqui presentes somos quem batemos palmas para vocês”, disse Caiado aos homenageados. A comenda reconhece e valoriza todas as pessoas que realizam ações em prol do desenvolvimento de Goiás, consolidando a união de esforços entre governo e sociedade com o propósito de reconstruir o Estado. “Isso aqui é um reconhecimento, aprovado em lei. Pessoas dispostas a trabalhar e estender a mão ao próximo: essas sim são as que temos que reconhecer cada vez mais”, considerou o governador.

O decreto que instituiu a honraria (9.535, de 17 de outubro deste ano) estabelece que os contemplados com a Comenda sejam indicados pelo Conselho da Ordem do Mérito Cidadão-Herói, que é formado pelo governador, vice-governador, secretários estaduais da Governadoria e da Casa Civil, além de representante do Conselho de Governo.

Nos discursos, Ronaldo Caiado citou exemplos como dos japoneses que se mobilizaram para recuperar as cidades destruídas por tsunamis; já Lincoln relembrou a bravura de bombeiros nova-iorquinos que, de livre e espontânea vontade, entraram em meio às ruínas do World Trade Center para salvar vítimas do atentado às Torres Gêmeas, arriscando a própria vida. Caiado também salientou que é preciso mudar o conceito de governar. “Não cabe ao governador se isolar em seu gabinete, cercado por pessoas que apenas elogiam. Governar é estar aberto às criticas, sugestões e ir para a rua; estar a par das reais necessidades da população.”

Falando em nome dos agraciados, o Capitão Alexandre Fernandes expressou a grande satisfação de todos pela honraria concedida. “Fizemos sem esperar, até porque a gente nem sabia dessa homenagem. Tenho certeza que todos que aqui estão, que serão agraciados hoje, fizeram nesse sentido de amor ao próximo, espírito de irmandade e uma sinergia que nos move em ajudar o próximo.” Com este ato, continuou o capitão, o Governo de Goiás reconhece os anônimos que lutam e dedicam um pouco da sua vida ao próximo. “Isso serve de espírito, de ânimo a todos outros cidadãos goianos. Que esta comenda seja ostentada às pessoas do nosso Estado e as estimulem a fazer o melhor para o seu próximo.”

Condecorados
Ao longo de 2019, enquanto entregava benefícios e ouvia atentamente aos anseios da população, o governador se deparou com inúmeras histórias de cidadãos que, em momentos de folga e de forma voluntária, decidiram ajudar ao próximo e melhorar o local onde vivem. Mas quem são esses homens e mulheres que têm feito a diferença no Estado?

Uma das boas histórias que chegou até Ronaldo Caiado é a da dona Judith Ana Costa. Natural de Itaberaí, ela tem 81 anos, 30 deles dedicados ao voluntariado. Após a solenidade e devidamente condecorada, era visível sua emoção. “Deu vontade de chorar. Mas é de alegria. Isso é coisa de Deus”, disse, com olhar marejado. Estabelecida em Aparecida de Goiânia, a hoje octogenária começou na “seara do bem” recolhendo doações e construindo casas para famílias carentes. Ela também disponibilizava cursos de marcenaria, padaria, confecção e cabeleireiro.

Depois de conhecer tantas pessoas, dona Judith resolveu abrir uma creche, no Setor Nova Cidade, para cuidar das crianças e dar a elas educação, enquanto os pais saíam para trabalhar. Hoje o espaço atende a cerca de 300 pessoas, entre crianças, jovens e adultos. O Núcleo Caminho de Jesus/Creche Dona Judith oferece alfabetização e cursos profissionalizantes, tudo gratuito e mantido por meio de doações da comunidade.

“Receber essa homenagem é motivo de alegria e de uma paz muito grande, pois nos faz refletir que Deus age com poder na união, quando as pessoas se juntam para fazer o bem”, declarou a senhora. “Vejo o governador como uma pessoa com o coração muito aberto. Esse gesto de dar a comenda pode estimular mais pessoas a serem solidárias”, complementou.

Além dos homenageados e seus familiares, a solenidade foi prestigiada pelo procurador-geral da Justiça de Goiás, Aylton Flávio Vechi; diversos secretários de Estado, presidentes de agências, autarquias, economia mista, servidores estaduais e presidentes de entidades de classe.

“O mundo seria melhor se todos ajudassem ao próximo”

Talvez quando comemorava a chegada de 2019, Marco Aurélio Vaz, de 39 anos, não imaginava que teria muito que agradecer pelo ano que vinha pela frente. Ao contrário do que muita gente possa imaginar, a gratidão aqui tem motivos muito mais nobres, pois está ligada ao que o cabo do Corpo de Bombeiros pode oferecer e não ao que ele recebeu nos últimos 12 meses. “O mundo só será melhor, se as pessoas mudarem a cabeça. Não adianta ter o melhor governante do mundo, se a gente não ajuda ao próximo”, ressalta esse goiano de Ipameri, que vive atualmente no bairro Cidade jardim, e que ganhou as páginas de jornais e os holofotes da mídia depois de um ato de bravura no Rio de Janeiro.

O militar estava de férias na Cidade Maravilhosa, com os dois filhos e a esposa, também oficial da corporação, quando, num dia de maré agitada na praia de Copacabana, percebeu que duas crianças e um adulto estavam se afogando. “Ouvi o grito de ‘help’ e entrei na água. Consegui salvar a garota e logo depois recebi a ajuda dos bombeiros cariocas, que jogaram o life-belt e resgataram o menino e o pai. Eles eram austríacos”, conta o cabo Marco Aurélio, um dos homenageados na noite desta quinta-feira (19/12) pela comenda da Ordem do Mérito Cidadão-Herói.

“É muito gratificante poder receber uma homenagem como essa. Com esta atitude, o governador eleva nossa profissão e faz com que tenhamos mais afinco e garra para oferecer o nosso melhor para a população”, comentou ele que, também em 2019, num passeio a Caldas Novas, teve a oportunidade de salvar duas pessoas vítimas de acidente de trânsito.

Outro homenageado pela comenda é o jovem Eduardo Mendes Souza, de 14 anos. Junto a três colegas do Centro de Ensino em Período Integral (Cepi) Osório Raimundo de Lima, que fica em Iporá, ele trouxe para Goiás a medalha de ouro nacional na Olimpíada Internacional de Matemática Sem Fronteiras. “Todo mundo tem chance, é só estudar e se dedicar”, ensina o rapaz, ao frisar que grandes conquistas podem também ser alcançadas por alunos da rede pública.

“Estou muito emocionado, nunca estive perto de um governador. É uma homenagem que me faz querer estudar mais e mais”, confessou Eduardo, que já sabe em qual curso mirar na época do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem): Medicina. O jovem esteve acompanhado em Goiânia de uma mãe e avó super orgulhosas.

Além dos dois, outras 101 pessoas foram agraciadas pelo governador Ronaldo Caiado. São brasileiros, natos ou naturalizados, ou, ainda, estrangeiros, que, fora da esfera do Poder Público, desenvolveram ações em benefício da população de Goiás.

“Um governo só dá certo quando existe uma sintonia entre o governo, os servidores públicos e a população. Isso é o que eu mais trabalho em minha vida”, ressaltou o governador, que deixou uma importante mensagem, direcionada especialmente aos mais jovens: “As pessoas precisam ter amor pela sua cidade, por sua região. Sejam apaixonados pelo seu Estado. Deus nos deu um pedaço de terra que é diferente, especial. Cabe a nós cuidar dele, e fazer com que cada cidade seja melhor no nosso dia a dia”.

Homenageados:
– Policiais militares que trabalharam na reforma da barreira da Cidade de Goiás;
– Policiais que trabalharam na reforma do Centro de Comando e Controle Rural;
– Cidadãos que trabalharam na reforma do presídio em Jaraguá;
– Agente prisional que recusou propina de um preso em Anápolis;
– Bombeiro de Goiás que passava férias no Rio de Janeiro, com a esposa e os filhos, e salvou uma família austríaca que estava se afogando no mar de Copacabana;
– Cidadãos que revitalizaram o Colégio Estadual Maria de Fátima Santana, em Aparecida de Goiânia;
– Servidores que revitalizaram o Cepi Rui Barbosa, em Itumbiara;
– Crianças que encontraram R$ 12 mil e devolveram aos donos, via Polícia Militar, em Santa Rosa de Goiás;
– Estudantes que ganharam prêmio da Nasa;
– Bombeiros que estão construindo o Quartel de Santo Antônio;
– Policiais e civis que construíram casa para família carente em Goianésia;
– Alunos do 9º ano do Centro de Ensino em Período Integral (Cepi) Osório Raimundo de Lima, de Iporá, que vão para a China;
– Estudantes de Jataí que ganharam medalhas na Olimpíada da Matemática na China;
– Pessoas que desenvolvem projetos sociais em Aparecida de Goiânia;
– Pessoas envolvidas na construção da Casa de Prisão Provisória (CPP) de Rio Verde.
– Responsável pela reforma do posto rodoviário de Anicuns.