Foto: Vinícius Schimidt

Governador autoriza obras da Saneago com investimento de R$ 73,8 milhões e garante água tratada para quase 400 mil moradores de Aparecida

Recurso irá para a construção dos Linhões Central e Sul. “Estamos assinando contrato com as máquinas aqui, já no local, para iniciarmos esse serviço, imediatamente”, diz Caiado

Com o objetivo de evitar a falta de água em Aparecida de Goiânia, principalmente durante o período de estiagem, o governador Ronaldo Caiado autorizou, na noite desta quinta-feira (30/01), as obras de construção dos Linhões Central e Sul, que levarão água tratada do Sistema Produtor Mauro Borges para o município, hoje abastecido com postos artesianos e pelo Sistema Meia Ponte. O investimento total é de R$ 73,8 milhões, divididos em quatro contratos de ordem de serviço. A primeira etapa, constante do primeiro contrato, foi iniciada em agosto último.

O governador Ronaldo Caiado afirmou que a obra integra as ações de união com a Prefeitura de Aparecida de Goiânia. “Por parte nossa há interesse em fazer cada vez mais parceria com Aparecida, uma cidade que tem uma gestão exemplar e, ao mesmo tempo, melhorando cada vez mais a qualidade de vida de sua população.”

O governador lembrou que por muito tempo a população aparecidense conviveu com obras inacabadas e tubulações que chegaram a ser instaladas, mas que nunca funcionaram. “Estamos assinando contrato com as máquinas aqui, já no local, para iniciar esse serviço, imediatamente, para num prazo, projetado de um ano, podermos estar com a água e com o esgoto tratado na região”, pontuou. Serão 83 bairros beneficiados com o empreendimento e, conforme Caiado, em 100% deles o serviço de fornecimento de água tratada estará resolvido.

O prefeito de Aparecida, Gustavo Mendanha, comemorou a autorização para o início das obras dos linhões. “Diria que esta é a notícia do ano. Com essa assinatura, estamos tendo a solução definitiva da água e do esgoto em Aparecida de Goiânia.” Ele lembrou que anteriormente a prefeitura tinha de fazer poços artesianos para levar água para escolas e até postos de saúde no período de estiagem.

O prefeito agradeceu a forma republicana e democrática com que é tratado pelo governador e ressaltou estar honrado em recebê-lo. “Estou ansioso para podermos avançar em políticas públicas para o cidadão aparecidense. Pode ter certeza, que independente da minha posição política, o povo de Aparecida vai reconhecer aqueles que ajudam a cidade. É um povo humilde e trabalhador, que sabe valorizar quem trabalha por Aparecida”, assegurou.

O presidente da Saneago, Ricardo Soavinski, explicou que o Linhão Central tem 13 quilômetros de extensão e encontrará o Linhão Sul na Vila Oliveira, levando água tratada para a região do setores Independência Mansões e Expansul. “Por estes tubos passarão até mil litros de água por segundo”, contou o gestor, apontando para um dos equipamentos no local. “Nesse conjunto de obras que estamos lançando serão concluídos oito novos centros de reservação, que juntos vão armazenar 13 milhões de litros água tratada”, completou.

Soavinski também disse que a Prefeitura de Aparecida tem recebido atenção especial da Saneago. “Estamos fazendo todo esforço para ampliar os investimentos nas obras de abastecimento de água e esgotamento sanitário e recuperar o tempo perdido para alcançarmos rapidamente a universalização”, finalizou o presidente.

“Não estamos fazendo favor, esse recurso é do povo de Aparecida, fruto dos impostos que as pessoas pagam. O que estamos vendo aqui é o governador Ronaldo Caiado, juntamente com toda a equipe de governo, fazer o dever de casa, da importância que Aparecida merece”, destacou o vice-governador Lincoln Tejota. Ele disse que as obras dos linhões atendem o cidadão que merece o respeito e reconhecimento. Sublinhou também que água tratada e o esgoto mudam a vida da população. “Estamos aqui investindo em vidas e oferecendo qualidade de vida”, pontuou.

A assinatura das ordens de serviço foi prestigiada pelos secretários de Estado Rodney Miranda (Segurança Pública), Rafael Rahif (Esporte e Lazer), Marcos Silva (Comunicação) e Lívio Luciano (Chefe do Gabinete de Gestão da Governadoria); os presidentes da Agência Goiana de Regulação (AGR), Eurípedes Barsanulfo, e da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás (Codego), Marcos Cabral; os deputados estaduais Jeferson Rodrigues, Cairo Salim, Karlos Cabral e Rubens Marques; os ex-deputados Chico Abreu e Ozair José; a primeira-dama de Aparecida, Mayara Mendanha; os vereadores Ataídes Neguinho, Hilário Giacomet, Lelis Pereira, Nascimento, Mazinho, Araújo, Arnaldo Leite, Pastor Cláudio, Edilson Ferreira, Elias Júnior, Gilsão Meu Povo, Isaac Martins e Leandro da Pamonharia; o padre Antônio Martins e pastor Gentil; o ex-prefeito Sebastião Viana; o ex-vice-prefeito Tanner de Melo; e os superintendentes Allyson Cabral (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – Iphan-Goiás) e Dioje Ikeda (Atendimento ao Cidadão-Secretaria de Administração de Goiás).