WhatsApp Image 2021-02-26 at 15.53.51

Governo de Goiás aperta cerco contra saída ilegal de gado do Estado

Três carretas com bovinos sem nota fiscal são autuadas pelo Fisco estadual na região de Itumbiara. Ação faz parte do trabalho que vem sendo realizado com objetivo de combater sonegação fiscal e concorrência desleal

Em operação realizada na madrugada de quinta-feira (25/02), a Secretaria de Estado da Economia, por meio do Comando Volante da Delegacia Regional de Fiscalização (DRF) de Itumbiara, flagrou três carretas conduzindo 195 cabeças de gado bovino em situação irregular. Esta é mais uma ação do Governo de Goiás que vem fechando o cerco contra essa prática, potencializando os esforços para coibir a saída ilegal de gado do Estado, e dando um recado para quem sonega imposto e pratica crime contra a ordem tributária.

De acordo com o delegado de fiscalização, José Fernando Costa, os auditores fiscais constataram que em um dos veículos a carga estava sem nota fiscal, e no outro a documentação era inidônea, ao apresentar como destino o município vizinho de Morrinhos (GO). Os carregamentos eram originários de Itumbiara com destino a Minas Gerais. A ação contou também com apoio do Batalhão da Polícia Militar Fazendária (PMFaz) e de fiscais da Agência Goiana de Defesa Agropecuária (Agrodefesa).

Conforme apurado, a mercadoria foi avaliada em R$ 575.665,25 (base de cálculo), sendo R$ 69.079,83 em ICMS devido, além da multa de R$ 27.631,93. “Os nossos auditores estão atuando de forma sistemática em operações como esta, no sentido de evitar a sonegação fiscal de mercadorias em trânsito”, acentua José Fernando.