Luziania

Atração de indústrias e geração de empregos devem ser prioridades para Entorno do DF, diz Ronaldo Caiado em Luziânia

Senador cumpriu agenda com Wilder Morais junto com Marcelo Melo, Professora Edna e Eládio Carneiro. Necessidade de melhorias no transporte e segurança também foi debatida

A atração de indústrias e a geração de empregos no Entorno do Distrito Federal devem ser tratadas como prioridades por um futuro governo em Goiás, em contraponto ao abandono que a região enfrenta nos últimos anos. A defesa foi feita pelos senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais, ambos do Democratas, durante visita a Luziânia ao lado do ex-deputado Marcelo Melo (Democratas) e da vice-prefeita do município, Professora Edna (Pros).

Os dois cumpriram agenda movimentada em Luziânia junto ao segundo suplente de senador, Eládio Carneiro (Democratas), e pré-candidatos a deputado federal e estadual. Eles participaram de encontro com representantes da Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL) e da Associação Comercial de Luziânia, concederam entrevistas, almoçaram com produtores rurais e se reuniram no fim do dia com lideranças e a vice-prefeita.

“Os desafios aqui nesta região são enormes. Embora seja o segundo maior colégio eleitoral do Estado, os moradores estão desassistidos em todas as áreas. Precisamos criar aqui um centro tecnológico, com atração de indústrias, para que os municípios como Luziânia deixem de ser cidades-dormitórios e possam oferecer condições para que os moradores trabalhem e vivam com dignidade”, salientou Ronaldo Caiado.

O senador Wilder Morais também lembrou que, embora a região do Entorno corresponda a 30% da população do Estado, ela não vê retorno por parte do governo estadual em forma de benefícios para a população. Na avaliação dele, o Entorno só irá se desenvolver na medida em que houver geração de emprego e oportunidade de estudo para os moradores.

“Só vamos mudar a realidade do Entorno trazendo emprego, mudando a realidade das pessoas. Tenho buscado trazer para cá a Universidade Federal do Entorno. Isso está no nosso foco, porque sei que uma universidade pode mudar a vida das pessoas como mudou a minha. O Estado precisa ser pensado como o todo, não focar em duas ou três cidades. Os moradores daqui também merecem ter qualidade de vida”, defendeu.

Representante do Entorno e pré-candidato a deputado federal, Marcelo Melo destacou que a esperança dos moradores é que Ronaldo Caiado e Wilder consigam trabalhar juntos em um projeto que resulte em atração de indústrias para a região. Para ele, essa certeza é o que o move a se lançar de corpo e alma na pré-campanha de ambos.

“Esperamos que Ronaldo Caiado, nosso futuro governador, e Wilder Morais, que será reeleito, possam fazer um trabalho de reinserção do Entorno no progresso de Goiás. Porque parece que vivemos em outro Estado. Tudo é direcionado para Anápolis, Goiânia e Aparecida, como se nós não existíssemos. Nunca buscaram resolver o cerne da questão, que é o desemprego e as consequências que ele gera”, afirmou Marcelo Melo.

Transporte

Outra questão que compromete a qualidade de vida dos moradores do Entorno é o transporte público. A solução do problema foi cobrada por lideranças que relataram que hoje mais de 30 mil pessoas se deslocam de Luziânia para o Distrito Federal todos os dias em péssimas condições de transporte público. Para Ronaldo Caiado, isso precisa mudar.

“Quem está na política tem obrigação de buscar qualidade de vida e resgatar a dignidade das pessoas. Hoje, por conta da Lava Jato, elas estão mais atentas à política e querem escolher políticos que sejam bons funcionários para elas, que saibam representá-las”, lembrou Ronaldo Caiado, que é autor da PEC 65/2015, que dá uma solução ao problema do transporte público transferindo responsabilidades para a União; e do projeto de lei 163/2015, que determina que parte do Fundo Constitucional de Financiamento do Centro-Oeste (FCO) destinado a Brasília seja repassado ao Entorno.

Marcelo Melo reforçou a necessidade de Goiás e o Distrito Federal unificarem ações para resolver os graves problemas da região, como o do transporte. “Grande parcela do Entorno ainda depende do transporte diário para Brasília. Isso gera acúmulo de veículos também nas rodovias. No horário de pico fica com média de 6 quilômetros por hora. Aí são 2 horas pra ir e 2 horas para voltar do trabalho. Essa situação tem de ser encarada e próximo governo terá de abraçar de forma tenaz”, afirmou.

Segurança pública

Considerada uma das regiões mais violentas de Goiás, o Entorno do Distrito Federal ainda precisa enfrentar o desafio de melhorar a segurança pública. O tema também foi levantado por lideranças que acompanharam os senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais nos eventos dessa sexta-feira.

“Temos aqui cidades que já figuraram como as 20 mais violentas do País. É uma realidade triste e inadmissível. Os cidadãos ficam comandados por facções criminosas e não têm sequer coragem de ir a uma delegacia, por medo de represália. Há uma nítida ausência do Estado nessa questão”, criticou Ronaldo Caiado.

Na avaliação do democrata, o problema da insegurança pública afeta até a economia da região. “Como o Entorno poderá competir na atração de indústrias do País se não há a menor condição de segurança pública, transporte e saneamento?”, questionou. “Tudo isso leva à descrença do cidadão”, alertou o senador.

Para Ronaldo Caiado, essa condição de abandono faz com que Goiás se prepare para encerrar um ciclo de 20 anos em que muitas promessas foram feitas por parte do governo, mas pouco houve de retorno para a população..

“Goiás agora irá encerrar esse ciclo de 20 anos e dar início a um novo método na política, com base na transparência e no respeito ao dinheiro público. Não é dar prioridade a publicidade em detrimento da saúde”, lembrou o senador ao falar dos gastos do atual governo de R$ 150 milhões ao ano com propaganda, ao mesmo tempo em que 55 mil goianos estão na fila de espera por cirurgias eletivas.

“Esperança nos move a entrar de corpo e alma no projeto de Ronaldo Caiado”, diz Marcelo Melo

O ex-deputado Marcelo Melo (Democratas) afirmou nesta sexta-feira (27/04) ter confiança no papel que Ronaldo Caiado e Wilder Morais poderão desempenhar para que o Entorno do Distrito Federal volte a trilhar o caminho do progresso depois se sofrer com o descaso do atual governo. Para ele, isso o move a se engajar na pré-campanha dos dois.

“O Entorno convive com problemas gravíssimos no transporte, na segurança, na saúde e também geração de empregos. Esperamos que Ronaldo caiado, nosso futuro governador, e Wilder Morais, que se Deus quiser será reeleito, possam fazer um trabalho de reinserção do Entorno no progresso de Goiás. É essa esperança que nos move a entrar de corpo e alma no projeto de Ronaldo Caiado”, afirmou.

Segundo o ex-deputado, hoje o Entorno é tratado como uma região à parte do Estado. “Tudo é direcionado para Anápolis, Goiânia e Aparecida, como se nós não existíssemos. Aqui são feitos remendos, pequenas ações paliativas, mas ninguém procurou resolver o cerne da questão, que é o desemprego”, criticou.

Para ele, a geração de emprego precisa ser acompanhada também por melhorias na saúde, na segurança e no transporte público. “Grande parcela do Entorno ainda depende do transporte público diário para Brasília. Muitos demoram duas horas para chegar ao trabalho e duas horas para voltar. Essa situação tem de ser encarada e próximo governo terá de abraçar de forma tenaz”, afirmou.

“Podemos fazer de Luziânia uma cidade melhor e de Goiás uma grande potência”, diz vice-prefeita

A vice-prefeita de Luziânia, Professora Edna (Pros), defendeu os nomes de Ronaldo Caiado e Wilder Morais como os melhores para fazer a transformação que Goiás precisa, especialmente no Entorno do Distrito Federal. Para ela, apesar da relevância de Luziânia para o Estado, a cidade não recebe a atenção que deveria.

“Luziânia está em uma região muito carente. A visita do futuro governador para ver de perto as necessidades é muito importante para nós, que acreditamos que eles poderão fazer dela uma cidade melhor e de Goiás uma grande potência”, afirmou.

Hoje ela relata que o transporte público é um grande gargalo, bem como a saúde pública. “Temos uma demanda grande na saúde. Precisamos encaminhar pacientes de média e grande complexidade para a capital mesmo estando próximos ao Distrito Federal. Eu, enquanto vice-prefeita, acredito no projeto de Ronaldo Caiado e Wilder Morais para Goiás. Os dois são os melhores nomes que temos”, defendeu.

Produtores rurais apoiam Caiado em visita a Luziânia

Os senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais, ao lado do presidente da Faeg, José Mário Schreiner, também participaram de um encontro com produtores rurais na Central de Associações de Pequenos Produtores Rurais de Luziânia e Região (Caprul), onde o pré-candidato ao governo rememorou as lutas que enfrentou ao longo de sua trajetória para defender os pequenos produtores.

“Tenho orgulho de representar o setor rural, eu sei o que é a realidade do campo. Em 1986, quando muitos produtores estavam endividados com banco, eu podia ficar só atendendo no meu consultório de médico. Mas o que fiz foi caminhar por todo o Brasil para enfrentar os banqueiros e renegociar as dívidas dos pequenos produtores. Foi assim que demos condições para que continuassem a trabalhar”, lembrou.

A luta de Ronaldo Caiado continuou ao longo de seus cinco mandatos como deputado federal, e agora como senador. “Nunca me acovardei quando os pequenos produtores precisaram de mil. Isso porque sempre tive a consciência de que o Brasil só sairia das dificuldades se tivesse capacidade de produzir. O Brasil hoje é o maior exportador do mundo porque houve investimento em tecnologia e a ciência”, afirmou.

No discurso que fez aos produtores, Wilder Morais também falou de seu compromisso com o setor e da força dele para a economia brasileira. “Em meus seis anos de mandato já destinei mais de 66 máquinas agrícolas para os municípios, e deixo aqui meu compromisso de renovar a frota de máquinas agrícolas. O setor rural é o que segurou a economia nacional em tempos de crise”, reforçou.

Entrevista Ronaldo Caiado

O senador Ronaldo Caiado falou um pouco de seus projetos para Goiás e de como pretende recolocar a região do Entorno no caminho do desenvolvimento. Para o democrata, o dinheiro público precisa ser bem empregado e o gasto público acompanhado de perto pelo cidadão.

O que está faltando para Goiás na sua opinião, senador?

Transparência na gestão. Para onde vai o dinheiro público? Para as mãos de quem? Quais as pessoas beneficiadas? O dinheiro é para atender as necessidades da população ou para algumas pessoas que estão no poder há 20 anos? Quantas vezes o Entorno foi iludido com obras que nunca foram realizadas? A sociedade quer outro modelo de gestão e é por isso que o atual ciclo está se encerrando. O goiano quer transparência, dignidade, competência gerencial e autoridade moral para enfrentar os problemas. Só assim a população do Entorno terá acesso a transporte, saúde e educação.

Precisamos então de um novo Goiás?

Exatamente. Quais as realizações desse governo do últimos anos para o Entorno? A população sofre aqui com falta de água na torneira, com insegurança, com a saúde precária. É total a incapacidade de atender as crianças desde nascimento até ensino fundamental. Temos o desejo de dar às crianças garantias para estarem nas creches, receberem alimentação e terem acompanhamento educacional. Temos de priorizar as crianças. Queremos tirá-las das mãos dos traficantes e colocá-las nas mãos dos professores. Esse é o grande desafio para Goiás e o Entorno.

Como será sua relação com os prefeitos, caso vença as eleições?

O Congresso nos ensina que ninguém decide nada sem apoio da maioria. Você aprende a entender que é apenas uma parte de um todo. Para estar ali é preciso ter conteúdo, preparo, humildade e capacidade de argumentação para aprovar um projeto. Se chegar ao governo os prefeitos podem ficar tranquilos porque não vou exigir que se filiem ao meu partido para serem atendidos. Todos terão meu respeito. Hoje o governo se utiliza verba da Celg para escolher qual o município que receberá verba. A distribuição tinha de ser igualitária.O dinheiro é público. Veja a situação que vivemos. Essa retaliação que prejudica a população.

Valeriano

Caiado lança em Anápolis pré-candidatura de Valeriano a deputado federal

Convivendo há anos com promessas vazias que se renovam a cada eleição, Anápolis é hoje uma das cidades mais entusiastas do desejo de mudança que se espalhou por Goiás. A avaliação é do senador Ronaldo Caiado (Democratas), natural do município, que participou na quinta-feira (19/04) ao lado do senador Wilder Morais (Democratas) do lançamento da pré-candidatura a deputado federal de Valeriano Abreu (Podemos).

O evento foi marcado por discursos que valorizaram a necessidade de Goiás adotar um novo rumo que o coloque como referência positiva no Brasil em modelo de gestão e de política. “Anápolis sempre deu o bom exemplo. É uma cidade que nos momentos críticos sempre soube reagir. Os anapolinos são pessoas ousadas que não temem mudanças e que são formadores de opinião”, lembrou o senador.

Ao comentar a pré-candidatura de Valeriano Abreu, o democrata ressaltou o papel de mudança que ele representa. “É uma pessoa que transmite sinceridade e espírito público. Ele sabe estender as mãos aos mais necessitados e, se conseguir conquistar seu espaço na Câmara dos Deputados, vai representar muito bem esta querida cidade”, afirmou. “É uma alegria ter uma pessoa como Valeriano Abreu na chapa que estamos montando. Temos de estar vinculados a pessoas como ele, que desejam a mudança”, completou.

Em discurso que antecedeu a fala do senador, Valeriano Abreu explicou que sua decisão de colocar seu nome como pré-candidato tem a ver com o seu desejo de transformar a sociedade. Para ele, o principal caminho de transformação é a política.

“Há pessoas que diante dos obstáculos desistem ou lutam para ultrapassá-los. Mas é preciso superar as adversidades e seguir adiante se queremos mudar nosso País. Se queremos promover a transformação, o caminho é a política. Não podemos ser omissos”, afirmou.

Segundo Valeriano Abreu, a escolha de participar da política foi motivada especialmente pelo histórico de Ronaldo Caiado. “É um homem que luta pelos interesses de Goiás, que tem uma vida íntegra e um respeito enorme pela família e pelos valores cristãos. Anápolis precisa muito de Ronaldo Caiado para superar os problemas que enfrentamos há anos. A cada eleição ao menos quatro promessas se renovam: a finalização do Centro de Convenções, o anel viário, a ampliação do Hospital de Urgências e a criação do aeroporto de cargas. O anapolino não aguenta mais viver só de promessas”, lembrou.

Evento prestigiado

O lançamento da pré-candidatura de Valeriano Abreu foi prestigiado por lideranças nacionais e estaduais. A deputada federal por São Paulo, Renata Abreu, que é presidente nacional do Podemos, fez questão de estar em Anápolis para participar do evento, reforçar o nome de Valeriano Abreu e falar da importância do projeto que o Podemos e o Democratas estão construindo em Goiás.

“Precisamos fazer uma grande reflexão neste momento. Tenho visto pessoas desacreditadas da política, mas a participação é a única chance de mudança. Ronaldo Caiado é um senador combatente que, assim como o presidenciável Álvaro Guimarães não aderiu ao filiologismo e tem construído alianças com um propósito maior. Tenho orgulho de estar aqui ao lado de Ronaldo Caiado porque conheço sua história e sei que pode resgatar a esperança dos goianos. O povo de Goiás precisa dele na condução do Estado”, afirmou.

O senador Wilder Morais, que buscará a reeleição no pleito deste ano, lembrou que o momento agora é do cidadão escolher aqueles irão conduzir o Estado. “Agora é hora do povo escolher o funcionário deles. O poder de mudança está no voto. Por isso é preciso olhar o perfil dos candidatos com cuidado, fazer uma avaliação sobre o histórico e o que eles têm a oferecer. Goiás quer mudança e isso é algo contagiante”, disse.

Presidente estadual do Podemos, Sandro Resende reafirmou a liderança de Ronaldo Caiado junto aos 11 partidos que integram o bloco de oposição Unidos para Mudar Goiás e que ele é o nome que Goiás realmente precisa para mudar seu rumo. “O atual governador tem insistido que é a mudança. Mas a gente sabe que não, que ele é a continuidade desse ciclo político. A mudança tem um nome, e é o do senador Ronaldo Caiado”, garantiu.

Também presente no evento, o deputado estadual Lívio Luciano destacou que falta na Câmara dos Deputados um parlamentar verdadeiramente sintonizado com os anseios de Anápolis, qualidade que Valeriano Abreu poderá suprir. Ao lado de Ronaldo Caiado, ele acredita que o município terá um salto de evolução.

“Ronaldo Caiado tem histórico de trabalho realizado, uma conduta ilibada e a coragem de fazer as mudanças necessárias. Ele conhece Goiás como poucos e sabe como está a gestão do Estado”, destacou.

Além da pré-candidatura de Valeriano Abreu, os senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais cumpriram uma agenda cheia em Anápolis na quinta-feira. Os dois se reuniram com os pastores Clarimundo César, que é presidente das Assembleias de Deus – Ministério de Anápolis, e Bertiê Magalhães, presidente das Assembleias de Deus – Ministério Madureira. Os democratas também visitaram o cantor gospel Samuel, que é pré-candidato a deputado federal, e deram entrevistas às rádios 96 FM e Imprensa.

Águas-FotoSidneyLins

Caiado e Wilder recebem títulos de cidadãos de Águas Lindas

Assembleia de Deus na cidade declara apoio aos dois

Líderes religiosos destacam trabalho da dupla no Entorno

Os senadores Ronaldo Caiado e Wilder Morais receberam neste domingo (15/4) os títulos de cidadãos de Águas Lindas, no Entorno do Distrito Federal, durante encontro com mil obreiros da Assembleia de Deus – Ministério Madureira da cidade. A homenagem foi entregue pelo presidente da Câmara Municipal e vice-presidente da igreja, Rogemberg Barbosa. O encontro, conduzido pelo presidente da Assembleia de Deus da cidade, pastor Gilvando Galdino, teve também a participação de vereadores locais, da vice-prefeita de Luziânia, Professora Edna ,Luiz Caland, de Santo Antônio do Descoberto, e Rosi Guimarães, presidente Estadual do Partido da Mulher Brasileira.

“É uma honra receber esse título. Temos que ter a responsabilidade de mostrar que não fazemos política para se beneficiar de cargos, que fazemos política com espírito público, com dignidade. Eu e o senador Wilder podemos andar por todas as cidades tranquilos porque nunca desonramos os seus votos e nunca fomos envolvidos em escândalos de corrupção”, disse Caiado ao agradecer a homenagem aprovada por unanimidade pela Câmara de Vereadores.

Ronaldo Caiado lembrou das lutas travadas por ele e por Wilder para defender a família goiana e brasileira ao falar sobre os projetos que legalizavam o aborto e os jogos de azar, derrubados por eles no Congresso. O senador ainda ressaltou ainda o desafio de trabalhar pelo Entorno, região abandonada pelo atual governo de Goiás. Caiado enfatizou seu projeto que tramita no Senado para transferir para União a responsabilidade pelo transporte do Entorno.

“Vamos quebrar um desafio que é o povo cansado de não ter o transporte, saúde, educação. O Entorno precisa de governador que vai se preocupar um cidadania, educação, transporte, saúde. Vamos encerrar um ciclo de um governo que não atendeu o cidadão”, acrescentou.

Mais uma vez, Caiado reforçou a importância da igreja para recuperar jovens usuários de drogas e para manter a comunidade longe da criminalidade. “Sou médico. Sei como como tratar de um dependente químico, mas preciso da parceria da igreja para manter esses jovens longe das drogas. Posso conseguir um hospital para tratar essas pessoas, mas vocês têm o hospital da alma. A igreja é capaz de curar a alma das pessoas”, disse aos obreiros da igreja.

Já o senador Wilder Morais falou sobre seu trabalho para destinar recursos para os 246 municípios goianos ao mencionar os R$ 18 milhões destinados para colocar em funcionamento o hospital de Águas Lindas.

“Já tem décadas que o hospital regional está sendo construído, anseio de toda população. Conseguimos R$ 18 milhões e vamos equipar esse hospital. Nosso recurso já está na conta, já foi licitado”, disse Wilder.

Wilder ainda falou de sua vontade de continuar ajudando as cidades do Entorno que tem muitas carências. “É meu desejo que possamos ajudar as cidades do Entorno ao lado do senador Ronaldo Caiado”, completou.

“Acompanhamos o trabalho do senador ao lango de seus mandatos como deputado e agora como senador. É um homem que tem um coração do tamanho do estado de Goiás. É um homem de grupo, sempre participativo na cidade. É um senador municipalista”, disse Rogemberg, presidente da Câmara de Vereadores.

Acreditamos que esses dois projetos vão prosperar (Ronaldo Caiado e Wilder Morais). Essa visita representa uma aliança, pacto para cuidar de gente que tanto precisa do estado”, emendou o pastor presidente, Gilvando Galdino.

MedalhaLaurita

“Laurita Vaz é sinônimo de seriedade, ética e competência no STJ”, diz Caiado

O empenho da presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministra Laurita Hilário Vaz, em promover a celeridade na Justiça brasileira e usá-la como instrumento de combate à corrupção foi enaltecido na noite de quinta-feira (12/04) pelo senador Ronaldo Caiado (Democratas), que participou da cerimônia de entrega da Medalha do Mérito Legislativo Pedro Ludovico Teixeira à goiana. O autor da propositura de concessão da comenda foi do deputado estadual Lívio Luciano (Pode).

“É um orgulho ter a ministra presidindo o STJ. A ansiedade da população brasileira é o que vossa excelência disse em seu discurso de posse ‘a corrupção é um câncer que compromete a sobrevivência, o desenvolvimento do País, retira a comida dos pratos e esvazia os bancos escolares e mina a qualidade da educação’. Vossa excelência conseguiu em um parágrafo fazer a radiografia perfeita de nosso País”, citou.

Segundo o parlamentar, é o momento agora é de inquietação, em que a sociedade volta os olhos às instituições com descrédito. “Mas a senhora tem sido um norte, uma esperança para os brasileiros. Vossa excelência tem sido célere, exigido rapidez de resposta para que realmente se possa fazer justiça à sociedade. É clara a evolução do Judiciário”, afirmou.

O combate à corrupção, que tanto estrago causa à população, Ronaldo Caiado acredita que é o meio mais eficaz de garantir saúde à população. “Vemos situações que nos angustiam, como um doente renal crônico ter que viajar 400 quilômetros para fazer hemodiálise porque não tem saúde na sua cidade. O dinheiro para isso foi desviado. Por isso a Justiça precisa ser célere para julgar questões como essa, sem fazer concessões a ninguém”, exemplificou.

Ronaldo Caiado também elogiou o perfil da ministra. “Laurita Vaz é símbolo de seriedade, de ética e de competência no comando do STJ. Esta homenagem de hoje é um reconhecimento à sua trajetória de vida, que tanto orgulho trouxe aos goianos”, afirmou.

EventoPrefeitos2

“União da oposição é realidade”, diz Caiado ao receber apoio de prefeitos e lideranças do MDB

Senador recebeu apoio de prefeitos emedebistas e lideranças. Emedebistas pedem a vaga de vice e Caiado diz que garante também uma vaga de senador na chapa

 

Com discursos enfatizando o esforço para unir a oposição e o respeito ao desejo de mudança dos goianos, prefeitos do MDB das principais cidades do interior de Goiás anunciaram nesta terça-feira (20/03), na Assembleia Legislativa, apoio à pré-candidatura a governador de Ronaldo Caiado (Democratas). O evento, organizado pelo deputado estadual José Nelto (MDB), levou ao palco os prefeitos Adib Elias (Catalão), Paulo do Vale (Rio Verde), Renato de Castro (Goianésia), Ernesto Roller (Formosa) e Fausto Mariano (Turvânia), além do suplente de senador Luiz Carlos do Carmo (MDB), dos deputados Dr. Antônio (PR), Delegado Waldir (PSL), Major Araújo (PRP) e do ex-deputado José Essado (MDB).

Em suas falas, os líderes políticos explicaram as suas decisões como um pedido de suas bases e ressaltaram a figura do deputado federal Daniel Vilela (MDB), também pré-candidato ao governo, como a de um aliado. Todos disseram que trabalharão para tê-lo na mesma chapa que Ronaldo Caiado, seja como candidato a vice-governador ou ao Senado. Os prefeitos lembraram ainda que vão angariar forças para que o governo não vença em sua estratégia de dividir a oposição para ganhar as eleições. Para eles, o adversário é somente o PSDB e o seu modelo de gestão falido.

Os discursos foram endossados pelo senador Ronaldo Caiado, que afirmou ter plena confiança de que unida a oposição terá condições de fazer frente à máquina do governo estadual, que tem sido utilizada há anos para beneficiar o atual grupo político em detrimento dos goianos.

“Se construirmos a unidade das oposições o governo vai ser nocauteado na mesma hora. É o sentimento da mudança, da unidade, que vai prevalecer. Sei que pela capacidade de argumentação de todos vamos definir critérios para escolher o candidato e conquistar a unidade das oposições”, afirmou.

Caiado também classificou como emblemático o gesto dos emedebistas neste momento crucial da democracia em Goiás. “É um gesto emblemático de representatividade, de quem galgou a vida na política e dentro do MDB. Sei da dificuldade desse momento. Não é um projeto de ordem pessoal. Ninguém governa sozinho. Reconheço sempre a importância do MDB em minha eleição para o Senado. Nossa aliança elegeu um senador em 2014, elegeu vários prefeitos em 2016. E e em 2018, unidos, vamos ganhar as eleições. Demos aqui um primeiro passo para mostrar que este sentimento de unidade não é uma utopia, está materializado, está fortalecido, vai ser no decorrer da discussão, na convenção do MDB. Se tudo der certo, o MDB vai ter um senador em 2019, o meu suplente Luiz Carlos do Carmo”, disse.

Após os prefeitos falarem que o partido deveria ser vice de Caiado, o senador disse que a decisão cabe ao MBD e que ele garante a condição de que a legenda terá na chapa o vice governador e uma vaga para o Senado. “É governar a quatro mãos”, disse, depois de receber o apoio dos emedebistas.

Ao mencionar a responsabilidade de cada pessoa envolvida nesta caminhada, o parlamentar lembrou que, como médico, tem a qualidade de saber trabalhar em equipe. “Sou um médico cirurgião de coluna. Trabalho em equipe. Não opero sozinho. E também nunca fui homem de pé em duas canoas. Vamos enfrentar um Estado totalmente dilapidado, sucateado, onde toda a estrutura foi voltada para construir a imagem de uma falsa liderança”, lembrou.

A principal tarefa hoje destas lideranças, ressaltou o senador, é buscar a unidade. “Existe uma coisa só na cabeça de todos nós: a bandeira da unidade. Aquele que tiver a condição de unir as oposições e sair candidato eu estarei aqui, junto a essa bandeira”, garantiu.

O democrata avalia que a divisão, além de favorecer o candidato do governo, penaliza os candidatos das chapas proporcionais. “A divisão não produz nada de positivo, só vai penalizar os nossos candidatos a deputados. Mas se nos unirmos teremos condições de fazer sete a 10 deputados federais, até 30 deputados estaduais. Tenho carinho pelo deputado Daniel Vilela, sempre estivemos juntos nas pautas em defesa de Goiás. Não vou deixar os meus aliados. Não sou homem disso. Sei a densidade eleitoral e a importância do MDB no estado”, disse, .

Os prefeitos falaram ainda que pretendem levar a decisão para as convenções, que devem ocorrer em julho. O democrata mostrou que este pode ser um caminho que irá definir o direcionamento que Goiás quer e precisa. “Agora vamos ao segundo momento chegando à convenção do PMDB sabendo que aquilo que for dito eu assino embaixo”, afiançou.

O ato teve a presença de representantes dos partidos que compõem a frente de oposição “Unidos para Mudar Goiás”. Entre eles os presidentes José Netho (PPL), Denes Pereira (PRTB), Fernando Meirelles (PTC), Eduardo Machado (PMN) e Claudivino Vieira (Patriotas). Outras lideranças que registraram presença foi a ex-deputado Adriete Elias (MDB); o ex-presidente do MDB de Goiás, Samuel Belchior; a vice-prefeita de Barro Alto, Adriana do Grimalde (MDB); o vice-prefeito de Palmeiras, Ailton Terra Nova (Democratas); o vice-prefeito de Posse, Minguito Valente (PP); além de presidentes de Câmaras, vereadores e presidentes do MDB e outros partidos.

José Nelto: para enfrentar máquina de governo, união das oposições é fundamental

O deputado estadual José Nelto (MDB) foi o primeiro a discursar e destacou a importância da união para enfrentar a máquina de governo comandada por Marconi Perillo (PSDB). José Nelto, que também é vice-presidente do MDB de Goiás, lembrou que a aliança da legenda com o Democratas já deu resultados positivos garantindo a eleição de Ronaldo Caiado para o Senado.

“Há aproximadamente três anos começamos um movimento para unidade do MDB, do Democratas e toda a oposição do Estado de Goiás. Trabalhamos muito, lutamos, não conseguimos eleger nosso líder maior, Iris Rezende Machado, que está no nosso coração. Mas conseguimos eleger o senador da República, Ronaldo Caiado, e esta aliança não acabou. Esta aliança continuou e nós trabalhamos muito, mas muito, para mostrar que este Estado não pode permitir a sexta reeleição do atual governador”, afirmou.

Para ele, não há fórmula fácil para vencer as eleições. “Temos que ter muita vontade política e muito trabalho porque não é fácil enfrentar a máquina de governo. Não é fácil enfrentar quem tem poder para usar o dinheiro para comprar lideranças, usar os servidores do estado para tentar mais uma eleição e nós estamos aqui trabalhando para unidade da oposição. Nosso adversário não é Daniel Vilela. Tenho carinho e vou trabalhar muito para que ele esteja conosco para fazer parte dessa chapa. Maguito também não é nosso adversário, é companheiro”, ressaltou José Nelto.

O deputado convocou todas as lideranças a percorrem o Estado dia e noite em nome da pré-candidatura oposicionista que sairá vitoriosa nas eleições deste ano. E exaltou a capacidade gerencial e moral de Ronaldo Caiado para assumir o posto.

“Está na hora de arregaçarmos nossas camisas. Todos nós aqui vamos trabalhar: não há mais sábado, domingo, feriado, só vamos parar a hora em que fechar a última urna e o povo dar um grito: ´agora libertamos Goiás, senador Ronaldo Caiado será o governador de todos os goianos´”, afirmou.

Para o emedebista, Ronaldo Caiado tem o perfil que a população almeja. “Uma pesquisa mostrou que 84% das pessoas quer um governante honesto, que fala a verdade e que cuida do social. E Caiado tem autoridade política e moral para governador o Estado. No nosso plano de governo, já nos primeiros dias, vamos dar prioridade para saúde e segurança pública. Receba o apoio do vice-presidente do MDB!”, finalizou.

Adib Elias: “Vamos trabalhar para que todos se entendam”

O prefeito de Catalão, Adib Elias (MDB) fez um dos discursos mais contundentes do ato e recordou sua trajetória de mais de 40 anos no partido. Ele disse que as lideranças presentes no encontro de apoio ao senador Ronaldo Caiado são figuras históricas e importantes da legenda.

“Hoje li que alguém disse: ‘quem está apoiando Ronaldo Caiado que peça para sair do MDB’. Eu não vou pedir. Sempre estive desse lado. Me filiei em 1971 no Rio de Janeiro e tenho serviços prestado. Nós aqui não temos nada contra absolutamente ninguém. Vamos trabalhar para que todos se entendam porque nosso adversário está no Palácio das Esmeraldas”, afirmou.

Adib fez menção direta ao deputado federal Daniel Vilela, colocando-o como “um jovem promissor”, mas ressaltou que o sentimento do partido é em torno do nome de Caiado. “Levei o Daniel Vilela para ser o deputado mais votado de Catalão. Trata-se de um jovem promissor. Mas tomei essa posição por um motivo maior: 99% do MDB de Catalão apoia Caiado. De 17 vereadores, 15 vereadores estão aqui. É um sentimento que só cresce”, analisou.

Embora emedebista histórico há mais de 40 anos, Adib Elias ressaltou a boa relação que sempre teve com o senador Ronaldo Caiado desde os tempos em que se conheceram quando estudavam Medicina no Rio de Janeiro.

“Conheci Ronaldo Caiado no hospital Miguel Couto, no Rio de Janeiro. Fizemos uma amizade profunda leal e decente durante todos esses anos. Ele sempre me respeitou e eu sempre o respeitei. Ver o MDB tomar essa decisão de seguir o projeto em torno do seu nome me deixa muito feliz.

Adib reforçou que a oposição precisa se unir o quanto antes para consolidar uma proposta de governo diferente do atual modelo político e administrativo. “Ninguém está aqui hoje para falar em cargo. Ninguém pediu nada. Nós só queremos mudar o modelo político e administrativo de Goiás. Nós não compactuamos com esse modelo que administra o nosso estado”, afirmou.

Ernesto Roller: Estamos buscando um pacto de unidade por Goiás

O prefeito Ernesto Roller (MDB) afirmou que a maioria das lideranças do partido deseja Ronaldo Caiado como candidato ao governo de Goiás. “Muito mais do que fazer discurso, estamos tentando construir um pacto de unidade das candidaturas do MDB e do Democratas. A convenção do MDB dirá qual será o rumo do partido e queremos que esse rumo seja Ronaldo Caiado candidato ao governo. Queremos Iris e Daniel Vilela junto conosco. Vamos continuar trabalhando pela unidade”, disse o prefeito de Formosa.

Ernesto Roller enfatizou que a aliança do MDB com Democratas em 2014 permitiu a oposição a primeira vitória em 20 anos, desde que o grupo político de Marconi Perillo assumiu o poder. “Queremos continuar com aliança de sucesso com o Democratas que nos deu a única vitória no Estado nos últimos 20 anos com a eleição do senador Ronaldo Caiado. O povo goiano quer um governante para ter orgulho e Caiado é honrado e luta pelos interesses do povo de Goiás”, concluiu.

Renato de Castro: Com a oposição unida, sairemos vitoriosos nas eleições

Ao declarar apoio ao senador Ronaldo Caiado, o prefeito de Goianésia, Renato de Castro, convocou os líderes emedebistas a terem responsabilidade e optarem pela união nas eleições de 2018.

“Em 1998, a oposição se uniu e conseguiu vencer um governo bem avaliado. Imagina a oposição unida diante de um governo mal avaliado. Sairemos vitoriosos. Perdemos nos anos anteriores porque houve divisão. Nós, do MDB, temos a responsabilidade de nos unir. Não nos é facultado de novo errar. Não podemos entregar o governo para esse grupo que está há 20 anos no governo e não dá a qualidade que o povo merece.”, pontuou o prefeito que falou da importância da união de todo partido junto com Daniel Vilela e Iris Rezende nessa jornada.

Renato de Castro destacou ainda que é fundamental fazer política de resultados para vencer o grupo político que está no poder e promover as transformações que Goiás precisa. “Fico feliz em ver que a maioria do MDB aprendeu a fazer política de resultados. Política com paixão, com lealdade é importante, mas precisamos de política de resultados. Se o MDB não tiver responsabilidade, se não encabeçar a liderança a partir da união, vamos entregar o governo para esse grupo que só tem compromisso com seus apaniguados. Meu apoio ao senador Ronaldo Caiado”, disse.

Fausto Mariano: “Dos noves vereadores de Turvânia, sete já declararam apoio a Caiado”

O prefeito de Turvânia, Fausto Mariano (MDB), demonstrou confiança no projeto que está sendo montado em torno do nome de Caiado. Segundo ele, o MDB não pode mais repertir os erros do passado por vaidades pessoais.

“O nosso MDB precisa criar juízo. Entender que já estamos em nome de uma pseudo-autosuficiência partidária há 20 anos perdendo eleição em Goiás. É preciso ter humildade, respeitando todos os partidos na oposição. Não somos donos da verdade. Se fôssemos, não teríamos passado 20 anos na oposição”, lembrou.

Segundo ele, a adesão ao nome de Caiado é grande no interior, tanto entre correligionários do MDB como em outros partidos.

“Dos noves vereadores de Turvânia, sete já declararam apoio a Caiado. Um homem que hoje tem tudo para ser presidente da República e para nossa sorte colocou seu nome à disposição dos goianos. A partir de hoje temos que estar presentes em todos os encontros estaduais para que Goiás saiba que os mais autênticos líderes do MDB estão com o senador”, declarou

2015
Fausto Mariano também lembrou da campanha de 2014, quando no 2º turno, Caiado se dispôs a abrir mão de sua eleição no Senado para ser secretário de Segurança Pública em um Governo Iris Rezende.

“Quando participou da nossa coligação em 2014, foi ele que impôs uma derrota a esse governo que está aí. Lembro que o PMDB precisou de Caiado no 2º Turno e ele chegou a abrir mão da cadeira do Senado para anunciar que seria secretário”, relembrou

Paulo do Vale: “Vamos trazer todo o MDB para a aliança”

O prefeito de Rio Verde, Paulo do Vale (MDB), comemorou a adesão dos prefeitos ao projeto de união das oposições e ressaltou que o próximo passo é unificar o MDB em torno dessa aliança.

“Não estamos aqui para dividir porque nosso adversário está no Palácio das Esmeraldas. Caiado tem a todos nós aqui. Sei que 90% do diretório do MDB de Rio Verde já apoia o senador. Agora não temos que ficar agredindo aqueles que ainda não vieram. Vamos mostrar a vantagem de apoiar Caiado. Vamos trazer todo o PMDB para essa aliança”, declarou

Paulo do Vale escolheu uma frase do primeiro-ministro britânico Winston Churchill para falar sobre o atual momento em que MDB vive. “Em um momento decisivo da segunda guerra, o ex-primeiro ministro britânico disse: ‘na guerra você morre apenas uma vez, mas na política você pode morrer várias vezes’. Agora não cabe mais morte na oposição de Goiás. Não estamos aqui para dividir. Participamos da política porque essa é a ferramenta mais poderosa para fazer o bem às pessoas”, lembrou.

Eli Rosa: sem divisão vamos ganhar o governo do estado

O presidente do MDB de Anápolis, Eli Rosa, afirmou que sem divisão, a oposição sairá vitoriosa nas eleições deste ano. Eli Rosa foi um dos líderes emedebistas que participou de evento realizado por prefeitos do partido para declarar apoio à pré-candidatura do senador Ronaldo Caiado ao governo de Goiás.

“Sem bravata, seremos comandantes desse novo estado, que terá novo perfil, uma nova conduta, com Ronaldo Caiado. Queremos Daniel Vilela e Iris Rezende juntos conosco”, destacou Eli Rosa.

O político reafirmou seu apoio a Caiado e sua capacidade para estar à frente do Estado. “Caiado tem todo perfil de empresário, médico, produtor rural, é a quarta vez que serei seu apoiador, seu buscador de voto”, disse.

Também presente no encontro, o deputado federal Delegado Waldir (PSL-GO) fez questão de reforçar o tamanho do nome de Ronaldo Caiado para a política nacional. “Caiado poderia ser hoje candidato a presidente da República. É a pessoa de maior destaque no estado de Goiás positivamente. Honesto trabalhador e sem rabo preso. Mas Caiado está aceitando a missão de mudar a história de Goiás”, afirmou.

O deputado estadual Dr. Antonio (MDB), por sua vez, ressaltou o perfil de lisura do senador Ronaldo Caiado após tantos anos na política e reforçou que o momento agora é de buscar os correligionários que ainda faltam aderir ao bloco das oposições.

“A máquina é poderosa e por isso mesmo temos que ter humildade para cada um de nós cobrar do Daniel Vilela e do Maguito Vilela, para que venham para ser senador, que venha para ser vice-governador, que terá o apoio de todos nós. Mas a cada dia eu me convenço de que Goiás quer Ronaldo Caiado”, afirmou.

Acieg-FotoLeandroVieira

“Se Caiado e Daniel se unissem, Goiás ganharia muito”, diz Álvaro Dias na Acieg

O pré-candidato à Presidência da República pelo Podemos, senador Álvaro Dias, defendeu em discurso na Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg) a união entre Ronaldo Caiado (Democratas) e Daniel Vilela (MDB) na disputa para o governo estadual este ano. Álvaro Dias, que tem mantido conversas sobre alianças em Goiás, afirmou que o Estado ganharia com esta decisão.

“Se Caiado e Daniel se unissem Goiás, ganharia muito com isso”, afirmou. Em um discurso mais voltado para a necessidade de reformas substanciais no País e da realização de um governo suprapartidário, Álvaro Dias aproveitou ainda para fazer elogios aos colegas goianos. Em relação a Ronaldo Caiado, Álvaro enalteceu sua trajetória, preparo,competência, honra e coragem em sua atuação como político. Sobre Daniel Vilela, destacou-o como figura promissora.

Os três estiveram juntos no início da noite da quinta-feira (15\03) para uma palestra do pré-candidato aos empresários goianos. Ronaldo Caiado e Álvaro Dias participaram como convidados da reunião da diretoria que discutia o balanço do primeiro trimestre e as ações político-empresarial da Acieg para 2018.

A reunião foi comandada pelo presidente da Acieg, Euclides Barbo, e pelo vice-presidente Leopoldo Veiga Jardim, que destacaram o papel da instituição em promover as discussões entre o segmento empresarial e os pré-candidatos que trazem propostas para o futuro do Brasil e de Goiás.

Em seguida os senadores foram para o auditório, onde o presidente estadual do Podemos, Sandro Resende, falou sobre o processo de encerramento de ciclos políticos tanto em nível nacional como estadual. “Que nós possamos em breve em Goiás falar das mudanças que Goiás precisa. Um ciclo se encerra em Goiás e talvez nós estejamos visualizando um novo ciclo”, disse.

Sandro Resende ainda usou a fala para elogiar a postura de Ronaldo Caiado. “É um homem ético, é uma pessoa que orgulha os goianos e onde a gente vai as pessoas respeitam o senador. Agradeço por prestigiar esta visita aqui hoje”, agradeceu.

Ele também lembrou na sequência aos empresários que, com a presença do senador Ronaldo Caiado e do deputado Daniel Vilela ali no auditório, havia ali mais a esperança de mudança do atual quadro em Goiás. O comentário recebeu aprovação dos presentes.

Convidado a participar do encontro representando a Assembleia Legislativa, o deputado estadual Simeyzon Silveira (PSC) relembrou brevemente em seu discurso a proximidade com o senador. “Tive o privilégio de ter o apoio dele em uma candidatura à Prefeitura. Um grande amigo, um agente público, uma pessoa política que eu admiro muito”, registrou.

Mudanças

Reforçando os discursos sobre mudanças em Goiás, o deputado federal Daniel Vilela pontuou que hoje é preciso abrir espaço para um governo que dialogue com as classes, ao contrário do que ocorre hoje em que as mudanças são impostas. Ele também aproveitou para elogiar o trabalho do senador. “É um brilhante parlamentar do nosso Estado que com muito orgulho nos representa no Senado”, afirmou.

O senador Ronaldo Caiado também foi convidado a usar a palavra e elogiou Daniel Vilela e a postura da Acieg de ouvir a classe política neste momento de crise da democracia brasileira. “Esta casa tem demonstrado grande responsabilidade política com todos os segmentos ao abrir suas portas nesse momento crítico na política nacional. Álvaro Dias é um homem preparado, com posição. A sociedade está cansada de governos que não ouvem e não respondem o seu clamor e por isso, mais do que nunca, é grande a nossa responsabilidade neste momento”, ressaltou.

O democrata fez menção à proposta de Álvaro Dias de governar de maneira suprapartidária. Para Ronaldo Caiado, ministérios e secretarias devem ter como função trabalhar para atender as demandas da população. “Ministérios e secretarias não podem ser acomodações de siglas partidárias. A sociedade espera eficiência e resultado na gestão, além de transparência nas ações de governo”, sublinhou.

Mostrando consonância com o discurso de Álvaro Dias sobre a necessidade de reformas profundas no País e em Goiás, Ronaldo Caiado por outro lado demonstrou desejo de ver a união das lideranças nacionais em um projeto maior para o Brasil. “Me preocupa a pulverização de candidaturas, mas confio na capacidade dos nossos líderes de construírem uma aliança em torno de um nome que represente os anseios da população. Tenho certeza de que chegarão a um bom termo”, finalizou.

Ceres2

Frente de oposição “Unidos para Mudar Goiás” chega a Goiatuba

A frente de oposição “Unidos para Mudar Goiás”, liderada pelo senador Ronaldo Caiado (Democratas), realiza no próximo sábado (17\03) em Goiatuba, a partir das 8h30, seu sétimo evento com lideranças políticas de todo o Estado que estão em sintonia com as propostas de mudanças para Goiás. São aguardados prefeitos, deputados, vereadores e representantes das 12 legendas que compõem a frente: PSC, PMB, Democratas, MDB, PMN, Patriotas, PHS, PPL, PTC, PRTB, PSDC e PRP.

“Quero não só reforçar mas pedir a cada um de vocês que, se tiver oportunidade, esteja conosco neste grande evento que faremos em Goiatuba no sábado. É um momento de discutirmos a política do Estado de Goiás, discutirmos o futuro e resgatar a esperança de todo o povo goiano”, convidou o senador.

Nas últimas semanas as alianças com os partidos que compõem a frente têm sido reforçadas por lideranças nacionais. Na semana passada a executiva nacional do Partido Trabalhista Cristão (PTC) referendou em Brasília a decisão em apoiar a pré-candidatura do senador ao governo de Goiás. O presidente nacional da legenda, Daniel Tourinho, ressaltou o consenso durante o processo.

“Esse apoio atende principalmente a um anseio latente do eleitorado de Goiás por mudança. E o senador representa essa mudança. Por isso o apoio do PTC de Goiás e do presidente estadual Fernando Meirelles com a aprovação total da executiva do partido”, garantiu Tourinho.

Já o presidente do PTC goiano, Fernando Meirelles, explicou que a decisão de apoiar o nome do senador foi confirmada após ouvir filiados de todas as regiões do estado que enxergam em Caiado a principal referência política para as eleições de 2018.

O Partido da Mulher Brasileira (PMB) também juntou-se ao bloco durante encontro em Ceres no mês passado com a presença de sua presidente regional, Rosi Guimarães. A presidente nacional, Sued Haidar, esteve com o senador em Brasília para reafirmar o apoio da legenda à sua pré-candidatura em Goiás.

Além dos apoios de siglas e lideranças importantes do Estado, os eventos da frente “Unidos para Mudar Goiás” tem conquistado a presença de um público numeroso. Ao todo a oposição já realizou até agora seis encontros: em Jaraguá, Morrinhos, Cidade Ocidental, Orizona, Bela Vista e Ceres.

Os partidos têm mobilizado os vereadores em todo o Estado para o projeto. No início de março mais de mil lideranças de 100 cidades vieram a Goiânia participar de um grande evento com contou com a presença do prefeito Iris Rezende (MDB), que defendeu em seu discurso a união da oposição.

Vereadores-LeandroVieira

Caiado participa em Goiânia de encontro com vereadores de Goiás neste sábado

 

A frente de oposição Unidos para Mudar Goiás realiza encontro com vereadores no próximo sábado (03/03) na Câmara Municipal de Goiânia, a partir das 9 horas, com a presença do senador Ronaldo Caiado (Democratas). Vereadores e lideranças políticas de todo o Estado foram convidados para este evento que integra as ações da frente.

Hoje a pré-candidatura do parlamentar já conta com o apoio de doze siglas partidárias: PMN, PSC, PTC, PRTB, PRP, PPL, PSDC, PHS, MDB, Patriotas e Democratas. O Partido da Mulher Brasileira, presidido por Rosi Guimarães, entrou no bloco no último sábado, quando mais de duas mil pessoas estiveram presentes em Ceres.

Lideranças já estão se mobilizando na internet e organizando caravanas para vir à capital discutir os projetos de mudanças para Goiás. Para o senador, os vereadores compõem o maior espectro das siglas partidárias no Estado e têm uma força enorme junto à população.

“Os vereadores lidam diretamente com os problemas de suas cidades e sabem quais são os anseios de seus moradores. Muitas pessoas criticam as pequenas siglas partidárias mas se esquecem que as Câmaras são compostas em sua maioria por estas elas”, lembrou.

 

camara

Vereadores terão força para mover a eleição em 2018, diz Caiado

Senador visitou a Câmara de Goiânia e discursou para vereadores. Frente Unido para Mudar Goiás realiza evento no próximo sábado (3/3) para vereadores de todo o Estado

 

O senador Ronaldo Caiado (Democratas) visitou na manhã desta quinta-feira (01/03) a Câmara Municipal de Goiânia para convidar os vereadores para um grande encontro que será realizado naquela Casa no próximo sábado (03/03) com a presença de lideranças dos legislativo de todo o Estado. Recepcionado com carinho pelos colegas que estavam na Casa, Ronaldo Caiado aproveitou para realçar o papel deles na política.

“Teremos um grande encontro no sábado para discutir o momento político e a importância do Legislativo no cenário atual. Tenho a convicção de que os vereadores serão os elementos que vão formular a nova força política do processo eleitoral de 2018. Eles vão dar a musculatura política necessária para que os eleitores possam ter uma referência neste processo”, explicou.

Ronaldo Caiado chegou à Câmara acompanhado da esposa Gracinha Caiado poucos minutos antes da abertura dos trabalhos legislativos, que nesta manhã foram encurtados em função do falecimento do pai do vereador Eduardo do Prado (PV), Valdir do Prado.

Sentado ao lado do senador na mesa diretora, o presidente da Câmara, Andrey Azeredo (MDB), ressaltou a honra de tê-lo como visitante. “É um prazer recebê-lo aqui, senador. O senhor é um homem que tem representado o nosso Estado, os valores e os princípios dos goianos. Não apenas como senador, mas ao longo de sua trajetória política e como homem público. Que o senhor possa ter sucesso sempre em sua jornada para que, com muito vigor e determinação, continue lutando pelos goianos. O senhor é muito bem-vindo”, disse.

Na sequência Ronaldo Caiado fez um discurso em que falou sobre a importância do Legislativo e sobre a necessidade de mudanças no Estado. Para o democrata, é chegado o momento de promover as mudanças que Goiás precisa. “Não podemos esperar mais, ficar na tese de enxugar gelo. Temos de ter ações propositivas para mudar o rumo do País. Temos condições de produzir algo novo que faça a diferença e que torne nosso Estado uma referência nacional. Por isso queremos ouvir de cada vereador as suas propostas”, explicou, fazendo referência ao evento de sábado.

Após a sua fala, os vereadores pediram a palavra para agradecer a presença do senador. Para o vereador Kleybe de Morais (PSDC), Ronaldo Caiado é um exemplo a ser seguido na política. “Respeito e acompanho o trabalho do senhor. Tê-lo aqui é uma honra, da mesma forma que estar junto do senhor e ser seu aluno e aprendiz, o que me faz crescer e enaltecer a minha vida política”, testemunhou.

O vereador Paulo Magalhães (PSD) agradeceu o parlamentar pela deferência à Casa. “Agradeço ao senhor por se lembrar de nós vereadores, que muitas vezes somos marginalizados. O vereador é quem está mais perto da população e sabe tudo o que acontece. Desejo muitas felicidades ao senhor”, afirmou.

Ao usar a palavra, o vereador Cabo Senna (PRP) falou da esperança que o nome de Ronaldo Caiado traz. “O senhor é uma esperança para Goiás e para a polícia em especial, que tem sofrendo com baixas remunerações, retirada de direitos e problemas de estrutura, o que só desmotiva a tropa. O senhor é uma esperança para nós”, reforçou.

Mais cedo, a visita do senador já mobilizava os vereadores. No Twitter, a vereadora Cristina Lopes (PSDB) falou a importância do senador na política brasileira. “A participação do senador Ronaldo Caiado na Câmara traz um novo sopro de esperança para a construção sólida e firme da política brasileira”, escreveu.

Seu colega de partido, o vereador Anselmo Pereira (PSDB), usou o microfone para falar sobre o democrata e afiançar que tem qualidades para almejar um cargo maior. “Seus 22 anos de vida pública o credenciam, Caiado, a qualquer passo. Vou deixar aqui uma frase inspirada em Cora Coralina: caminhando e semeando na vida pública, o senhor está colhendo o que plantou”, disse.

NovaVeneza1-FotoLeandroVieira

Caiado participa de festa com 1,5 mil pessoas em Nova Veneza

O domingo (25/02) em Nova Veneza foi festivo para os moradores, que receberam com carinho o senador Ronaldo Caiado (Democratas) e sua esposa Gracinha Caiado para o aniversário do ex-prefeito e empresário Valdemar Costa. Acompanhado do deputado estadual Major Araújo (PRP) e do presidente da Faeg, José Mário Schreiner, o casal cumpriu agenda com lideranças importantes do município antes de seguir para o evento.

Ronaldo Caiado chegou por volta das 11 horas e, após estas rápidas visitas, participou de uma cavalgada pelas principais ruas de Nova Veneza, tendo à frente o ex-prefeito. No meio do trajeto uma chuva forte surpreendeu os participantes. Mas não foi suficiente para desanimar o democrata, que continuou a cavalgada até que os cavaleiros se dispersaram para a festa de Valdemar Costa.

“A cidade toda se alegrou com esta comemoração aqui hoje. O Costa merece esta bela homenagem da população pelo trabalho que realizou, sem distinguir pessoas e atendendo as necessidades da cidade. É um homem que trabalha para melhorar a vida das pessoas, para dar a elas melhor qualidade de vida. Ele é um líder respeitado por todos nós”, disse.

A festa de aniversário ocorreu em um espaço recreativo com a presença de mais de 1.5 mil pessoas. Ela também contou com a presença de nomes importantes da política goiana, como o ex-governador Alcides Rodrigues. Ao discursar rapidamente para os presentes, Alcides elogiou a atuação do senador na política.

“Ronaldo Caiado é um nome exponencial que tem feito a diferença. O Brasil precisa de pessoas corajosas e realistas como ele, que não tem medo de expor a situação de Goiás”, disse o ex-governador.

O ex-prefeito demonstrou ter ficado honrado com a presença do senador em Nova Veneza. “Foi uma honra enorme ter recebido o senador Ronaldo Caiado no meu aniversário. Não tenho dúvidas de que ele será o nosso próximo governador”, afirmou.

1 2 3 10